Parque de Maria Luísa

Com uma superfície de 34 hectares cobertos por um fresco manto verde, o Parque de Maria Luísa é o principal pulmão verde de Sevilha, um dos parques mais bonitos de Espanha e um dos lugares mais apreciados da cidade.

O parque foi criado como parte dos jardins do Palácio de São Telmo, sendo doado à cidade no final do século XIX. Após a sua doação, os jardins permaneceram no esquecimento e chegaram a um estado praticamente selvagem até serem reabilitados para a Exposição Ibero-americana de 1929.

Neste momento, alcançaram o seu máximo esplendor e brilharam para se tornarem num dos espaços públicos mais emblemáticos e apreciados da cidade.

Um passeio pelo parque

O parque está cheio de recantos mágicos nos quais se perder é um autêntico prazer. Lagos com patos cruzados por pequenas pontes, tanques, jardins e preciosas avenidas decoradas com monumentos e edifícios históricos.

Alguns dos pontos que valem a pena destacar são os seguintes:

Plaza de España: Esta bela construção de tijolo instalada por ocasião da Exposição Ibero-americana de 1929 é um dos principais pontos de interesse do parque e um dos mais visitados.

Museu de Artes e Costumes Populares: Ocupando um magnífico edifício construído para a Exposição de 1929, este museu mostra a cultura tradicional andaluza a partir de um ponto de vista simples e dinâmico.

Museu Arqueológico: A opção mais interessante para os amantes da história e a arqueologia que queiram mergulhar nas profundezas do passado de Sevilha para conhecer a sua influência na atualidade.

O parque contém com tais dimensões que são muitos os que decidem percorrê-lo de bicicleta ou então montar numa carruagem a cavalo.

Transporte

Ônibus: linhas 1, 3, 6, 30, 31, 34, 37, A5, A6 e C2.
Metro: Prado de San Sebastián, linha L1.
Bonde: Puerta de Jerez, linha T1.